A ameaça da disrupção! O telemarketing está com os dias contados?

Estamos no século XXI e a tecnologia, que já evoluiu de forma surpreendente, ainda não promoverá o fim da desigualdade.

O genial escritor inglês, George Orwell, com uma precisão surreal, registrou em seu incrível livro intitulado “1984” que no século XX as inovações tecnológicas já eram suficientes para promover o fim da desigualdade social, mas isto não ocorreria. Curiosamente, estamos no século XXI e a tecnologia, que já evoluiu de forma surpreendente, ainda não promoverá o fim da desigualdade.

Em um relatório do Fórum Econômico Mundial (FEM), o Brasil figurou como um dos países que mais será afetado pelas evoluções tecnológicas. Em uma estimativa preocupante, o relatório destaca que 50% dos atuais postos de trabalho serão extintos até o ano de 2020. Profissões como agente de viagem e operador de telemarketing são destacadas como as mais suscetíveis.

E não são apenas estes números que dão uma prévia de que o telemarketing pode estar com seus dias contados... E há outros negócios que também correm este risco...

 

A realidade do Telemarketing 

 

Em um relatório encomendado pelo Sindicato das Empresas de Telemarketing,Marketing Direto e Conexos (Sintelmark) foi constatado que 92% de todas as empresas do setor disponibilizam contatos através das redes sociais. Em um período de cinco anos, o atendimento através destes canais cresceu quase 30%. 

O que todos este números revelam é uma tentativa de fazer frente à grande onda disruptiva que, com a evolução do marketing digital, está pressionando o setor de telemarketing, obrigando-o a adaptar-se às novas diretrizes do mercado. 

Em termos práticos, e falando como cliente, você leitor já deve ter se deparado com a seguinte situação: Você quer contratar ou cancelar um serviço e tem as opções de realizar uma ligação ou entrar em um chat de atendimento ou plataforma de atendimento. Pela praticidade, a segunda opção sempre é mais atrativa e menos desgastante. 

Em tempos onde, ao navegar pelas timelines das redes sociais, é possível encontrar toda a sorte de anúncios que, por conta de configurações de remarketing, já caminham em direção aos anseios do consumidor, é quase intragável receber uma chamada indesejada com ofertas de produtos ou serviços que não se deseja adquirir. Não acha?

 

A ascensão do marketing digital

 

Conforme alerta Daniel Domeneghetti, CEO da E-Consulting Corp.: 

“O amadurecimento do uso de canais digitais por parte das operações, como assistentes virtuais e outras plataformas automatizadas de atendimento, criam um movimento de disrupção sem volta nos SACs. A tendência crescente é que as operações fiquem cada vez menos dependentes da interação humana, precisando de profissionais para atividades mais estratégicas”. 

A E-Consulting executou um estudo com mais de 600 das 1000 mil maiores empresas de telemarketing do Brasil e o que foi verificado é que a ascensão do Marketing Digital demanda alterações estratégicas nas operações de tais empresas.  

O que se pode presumir é que, frente às pressões disruptivas impostas pelo Marketing Digital, o telemarketing não terá uma vida longa. Seus operadores, com sorte, poderão se tornar operadores de chats, gestores de mídias sociais com foco no atendimento e na interação, etc.

 

Enfim, o que acontecerá no futuro?

 

O Marketing Digital e as evoluções tecnológicas estão visivelmente afetando as operações do telemarketing. Agências digitais surgem a cada dia, com profissionais altamente capacitados, ostentando números e resultados inquestionáveis e perfeitamente mensuráveis.

Os números dos setor de telemarketing no Brasil apresentam retrações a cada ano e as empresas estão começando a aderir a práticas comuns do marketing digital. Os profissionais destas empresas têm feito uso das redes sociais e serviços de atendimento por chat e sistemas integrados, e, aos poucos, vêm tomando o lugar dos operadores de telemarketing. 

Enfim, estes são alguns dos reflexos das crescente onda de inovação disruptiva que, como indicam alguns especialistas, ainda irá provocar diversas alterações em inúmeros mercados. Caso sua empresa esteja pronta para entrar na nova era do marketing digital, saiba que a Dynamus está preparada para contribuir para o sucesso do seu empreendimento. 

Comente com o facebook